Inscrições através do link - http://bit.ly/rodadascen2019


Atividade reunirá quatro profissionais do Brasil e Alemanha que selecionarão projetos em desenvolvimento para contatos de coprodução e pré-venda ou projetos finalizados/em finalização para distribuição e representação em festivais

RODADAS DE NEGÓCIOS - CINE ESQUEMA NOVO ARTE AUDIOVISUAL BRASILEIRA 2019 - REGULAMENTO


As Rodadas de Negócios do Cine Esquema Novo – Arte Audiovisual Brasileira 2019 ocorrerão nos dias 25 e 26 de novembro, nos turnos da manhã e tarde, em Porto Alegre, com a presença de players do Brasil e Alemanha. A atividade busca projetos audiovisuais autorais de longa-metragem de ficção, documentário, animação e experimental, além de longas-metragens finalizados ou em finalização.

Na segunda-feira, 25 de novembro, pela manhã, será realizada uma mesa com todos os participantes com o tema CIRCULAÇÃO E MERCADO DE PRODUÇÃO AUDIOVISUAIS AUTORAIS E DE ARTE. A participação nesta mesa é aberta para todos aqueles que se inscreveram nas rodadas de negócios independente de ter sido selecionados ou não. Para os que não se inscreveram nas Rodadas de Negócios, a participação na mesa tem o custo de R$ 20,00. Inscrições https://www.sympla.com.br/mesa-circulacao-e-mercado-de-producoes-audiovisuais-autorais-de-arte__711462

Nos demais turnos, serão realizadas na Cinemateca Capitólio Petrobras, as reuniões individuais pré-agendadas com 20 minutos de duração, entre os players e os representantes dos projetos selecionados.

As empresas produtoras interessadas poderão inscrever quantos projetos desejarem nas rodadas em duas modalidades:

1 - Projetos de longa-metragem em desenvolvimento para contatos de coprodução e pré-venda, com ou sem financiamento assegurado;

2 - Projetos de longa-metragem finalizados/em finalização para contatos com distribuidores e representante de festivais.

 

Não há limite de projetos a serem inscritos ou selecionados, em quaisquer das duas modalidades, por uma produtora. As empresas produtoras devem possuir cadastro ativo na ANCINE.

Os projetos serão avaliados pelos players convidados pela organização do festival (lista abaixo).

A seleção ou não dos projetos cabe inteiramente aos players convidados pelo CEN, isentando-se o festival de qualquer participação na análise dos projetos.

O festival não se responsabiliza pelos custos de viagens, hospedagem e alimentação dos inscritos nas rodadas de negócios.

Os filmes finalizados/em finalização enviados para o Arsenal Institute devem possuir legendas em inglês e/ou em alemão.

*As inscrições possuem o valor de R$ 50,00 (mais taxas administrativas) por projeto independente de quantos players forem assinalados no formulário de inscrição, e devem ser feitas através deste link: https://www.sympla.com.br/rodadas-de-negocios---cine-esquema-novo-2019__628481


A lista de projetos selecionados será divulgada até sexta-feira, 18 de novembro, e a agenda de reuniões será divulgada até 21 de novembro, através do site e redes sociais do festival.

 

* Não haverá devolução de valores em caso do projeto não ser selecionado para as reuniões individuais.

As inscrições estão abertas até as 23h59 do dia 12 de novembro de 2019.

A programação 2019 do Cine Esquema Novo conta com mostra competitiva, debates, rodadas de negócios, seminário, oficinas e mostras não-competitivas, que serão divulgadas em breve. Realizado com recursos do edital SAV/MINC/FSA nº 11, 2018, o Cine Esquema Novo 2019 é uma realização do Ministério da Cidadania - Secretaria Especial da Cultura e conta com correalização do Goethe-Institut Porto Alegre, apoio institucional do Ministério das Relações Exteriores, RS Criativo e Embaixada da França no Brasil e apoio da Prefeitura Municipal de Porto Alegre e Secretaria Municipal da Cultura através da Coordenação de Cinema e Audiovisual/Cinemateca Capitólio Petrobras, Prime Box Brazil e Traduzca e Apoio premiação da Locall, KF Studios, TECNA/PUCRS e Fluxo - Escola de Fotografia. 


PERFIL DOS PLAYERS

ANGELIKA RAMLOW

Angelika Ramlow é gerente de projetos do Arsenal Distribution, com foco em cinema experimental, vídeo arte e instalações. É integrante da equipe do Forum Expanded, além de programas curatoriais e palestras no Arsenal - Institute for Film and Video Art, Berlin, Kurzfilmtage Oberhausen, IFF Rotterdam, Kansk Filmfestival (Russia), o 4-VIDEOFORMA Festival em São Petersburgo, Dokfest Kassel, (S8) Mostra de Cinema Periférico (A Coruña, Spain). Ela vive com suas duas filhas em Berlim. Angelika busca filmes inovadores com viés mais experimental, política/esteticamente interessantes - documentários ou ficções que desviam dos caminhos do cinema mainstream. Grandes produções com narrativas mainstream ou arthouse não são de seu interesse. Serão analisados apenas filmes que possuam legenda em inglês ou alemão.

 

ARGEL MEDEIROS

Argel Medeiros é administrador, especializado em Gestão Empreendedora e sócio/diretor da Olhar Distribuição. Atuou como parecerista na Fundação Cultural de Curitiba, foi um dos diretores do Festival Kinoarte de Cinema em Londrina, foi professor-convidado de formatação de Projetos Culturais na Pós-Gradução Criação e Produção em Rádio e Televisão da Faculdade Pitágoras. A Olhar Distribuição nasceu em parceria com o Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba e em consonância com seu propósito de buscar filmes que dialogam com a contemporaneidade.

O objetivo da Olhar Distribuição é respeitar o universo próprio de cada filme, suas cores, sua cultura, seus sorrisos e transpor as fronteiras que limitam tais mundos, ficcionais ou reais, e levá-los a outros olhares, cercados de realidades distintas, a fim de sensibilizar e provocar a reflexão. Entendemos que o momento é o de olharmos, também, para a pluralidade de realidades singulares: Queremos ouvir a história que elas, mulheres, querem contar - negra, branca, transexual; queremos assistir ao filme que os negros sempre desejaram filmar; levar às telas o indígena do jeito que ele quer ser; e assim, na busca da amplitude de outras narrativas que a Olhar Distribuição almeja em especial filmes realizados por mulheres, negros, indígena e transgênero.

 

LETÍCIA FRIEDRICH

Letícia Friedrich é produtora. Formada em Cinema pela UNISUL-SC, pós-graduada em Produção Cinematográfica pela Escola Superior de Cinema e Audiovisual da Catalunya – ESCAC/Espanha e LL.M em Direito Empresarial pela FGV. Em sua atuação como produtora, produziu curtas-metragens (entre eles os premiados curtas de animação “Até a China”, de Marão e o infantil “A culpa é do Neymar”, de João Ademir), os longas  “Amor, Plástico e Barulho”, de Renata Pinheiro, “A vida extra-ordinária de Tarso de Castro”, de Leo Garcia e Zeca Brito e “Açúcar”, de Renata Pinheiro e Sérgio Oliveira e o telefilme infanto juvenil “Guigo Offline”, de René Guerra (TV Cultura). Além disso, transitou por instituições audiovisuais como o Centro Técnico Audiovisual – CTAV/MinC, onde produziu projetos de preservação e a Associação Brasileira de Produtoras Independentes – BRAVI, onde atuou como Coordenadora de Projetos. É sócia da produtora e distribuidora Boulevard Filmes. A Boulevard Filmes busca projetos de longa-metragem de ficção, nos gêneros de drama, romance e infanto-juvenil, que tragam novos olhares sobre a sociedade, para todos os nichos de público.

 

PAULO DE CARVALHO

Produtor e Programador. Diretor artístico do Festival CINELATINO na Alemanha. Foi delegado para filmes latino-americanos para a Quinzena dos Realizadores de Cannes, DokLeipzig e Festival de Locarno (Comitê de seleção). Através da produtora Autentika Films (Berlin) tem realizado diversas coproduções com países latino-americanos. Em 2018: O Processo, de Maria Augusta Ramos (Brasil). Em 2019: Breve História del Planeta Verde, de Santiago Loza (Argentina), Querência, de Helvécio Marins Jr. (Brasil) e Vendrá la muerte y tendrá tus ojos, de José Luis Torres Leiva (Chile). Participa como líder do Núcleo Criativo da produtora Filmes de Abril (São Paulo). Desde 2010 participa da organização do Encontro Internacional de Coprodução Brasil CineMundi, em Belo Horizonte.

COMPARTILHE