Questionar e derrubar as barreiras entre o cinema e as artes visuais, levar a arte para a sala de cinema e o cinema para a galeria de arte, abandonar a classificação por formato ou bitola, aproximar distintas linguagens. Em 15 anos e 11 edições, o Cine Esquema Novo consolidou-se como o evento que representa todos os estilos de formatos da Arte Audiovisual Brasileira.



De 22 a 28 de novembro o evento chega a sua 12ª edição e promove programação gratuita e aberta ao público. “O Cine Esquema Novo 2018 busca, nesta convocatória, aprofundar seu mergulho na relação da imagem com o cinema e as artes visuais, colocando de forma efetiva trabalhos audiovisuais que circulam em salas de cinema ao lado de outros que circulam em exposições”, afirmam os curadores Alisson Ávila, Gustavo Spolidoro, Jaqueline Beltrame e Ramiro Azevedo.


Estão abertas as inscrições até 31 de julho para as candidaturas na Competitiva Brasil do Cine Esquema Novo 2018 – Arte Audiovisual Brasileira. A convocatória do CEN 2018 recebe inscrições a partir do site www.cineesquemanovo.org, onde é possível acessar o regulamento e a ficha de inscrição para trabalhos finalizados a partir de 01 de janeiro de 2017.

Serão aceitos para a seleção trabalhos de qualquer duração ou formato, pensados para diferentes ambientes (cinema, galeria, etc) e realizados no Brasil (por brasileiros ou estrangeiros) ou ainda no exterior (por artistas brasileiros). A novidade para este ano é o prazo mais extenso de inscrições, para facilitar a ponte entre realizadores e a curadoria do evento, construindo um diálogo na busca de diferentes possibilidades de exibição dos filmes, antes de chegar a uma seleção final. “Percebemos que não fazia sentido um período de inscrições curto, como é praxe, afinal, queremos ver os filmes desde sempre, conhecer os realizadores, propor e receber propostas”, revelam os curadores Alisson Ávila, Gustavo Spolidoro, Jaqueline Beltrame e Ramiro Azevedo.

O festival que, há quinze anos derruba as barreiras simbólicas e experienciais entre o cinema e as artes visuais para exibir obras tanto na tradicional sala de cinema quanto em galerias de arte e espaços públicos, promoverá programação gratuita e aberta ao público. “O Cine Esquema Novo 2018 busca, nesta convocatória, aprofundar seu mergulho na relação da imagem com o cinema e as artes visuais, colocando de forma efetiva trabalhos audiovisuais que circulam em salas de cinema ao lado de outros que circulam em exposições”, afirmam.

A Competitiva Brasil do CEN 2018 pretende apresentar um amplo panorama da recente produção autoral e independente do país e premiará ao final do evento o Grande Prêmio Cine Esquema Novo 2018 e cinco Prêmios Especiais do Júri (o Júri Oficial poderá outorgar até cinco prêmios, de forma livre, dentre todas as obras em competição).

COMPARTILHE